Convênio Médico Corporativo pode ser mantido após demissão?

O ex-funcionário demitido sem justa causa pode permanecer no convênio médico corporativo, desde que pague as mensalidades.

A regra é válida apenas para demitidos sem justa causa e os prazos de permanência no plano são limitados. Se a demissão for voluntária ou por justa causa, o ex-funcionário não tem esse direito.

Condições

Para que o ex-empregado demitido sem justa causa seja mantido no plano devem ser observadas as seguintes condições

  • Ter sido beneficiário de plano coletivo decorrente de vínculo empregatício.
  • Ter contribuído com pelo menos parte do pagamento do seu convênio médico.
  • Assumir o pagamento integral do benefício.
  • Não ser admitido em novo emprego que possibilite o acesso a plano privado de assistência à saúde.
  • Formalizar a opção de manutenção no plano no prazo máximo de 30 dias, contados a partir da comunicação do empregador sobre o direito de manutenção do gozo do benefício.

A manutenção no convenio médico corporativo será correspondente a 1/3 (um terço) do tempo de permanência em que tenha contribuído para o plano, com um mínimo assegurado de seis e um máximo de 24 meses.

Atenção: O ex-empregado demitido deve assumir o pagamento integral da mensalidade do plano.

Compartilhar

Solicite uma Cotação com Nossos Consultores

Ao enviar esse formulário, você concorda que utilizaremos seus dados apenas para cotação de planos de saúde de acordo com nossa politica de privacidade.

Localização

Seguro Saúde Online
Praça Dom José Gaspar, 134 Conjunto 143
República - SP
Tel : (11) 2514-7575
Whats App : (11) 2514-7575

Horário de Atendimento

Segunda-Sexta 8:30 ás 22:00
Sábados 9:30 ás 12:00
Domingo Fechado

Redes Sociais